Região central

Trânsito é desviado na TO-030 após ponte ser danificada pela chuva; Governo faz reparos

A previsão para o final da correção vai depender das condições climáticas.

Por Redação
Comentários (0)

23/04/2020 17h22 - Atualizado há 6 meses
Ponte danificada

O Governo do Tocantins informou à população que chuvas intensas e volumosas ocorridas nos últimos dois dias causaram o rompimento da cabeceira de uma ponte na TO-030, entre Santa Tereza e Novo Acordo, região central do estado.

Na última quarta-feira (22), a cabeceira da ponte de concreto cedeu devido ao aumento da intensidade das águas do Córrego Brejo Grande, no km 9, impossibilitando a passagem de veículos.

Após a equipe de monitoramento constatar os danos, um grupo de engenheiros foi até o local para analisar a via e dar início ao processo de mobilização para reparos. Os serviços só puderam ser iniciados na tarde desta quinta-feira (23) por causa do alto nível das águas do rio e das fortes chuvas que caem na região.

A informação é do engenheiro Geraldo Majella, responsável pela Residência da Agência Tocantinense de Transporte e Obras (Ageto), em Porto Nacional. Segundo ele, o trânsito no local foi desviado, temporariamente, para uma ponte de madeira, próximo ao local onde ocorreu o rompimento da cabeceira da ponte de concreto.

Quem trafega pela rodovia TO-030 deve ter cuidado e atenção, pois a previsão para o final da correção dos estragos vai depender das condições climáticas, mas está sendo estimada para o final da próxima semana, conforme informou Geraldo Majella.

A equipe da Ageto já se encontra no local tomando todas as providências necessárias para restabelecer o tráfego sobre a ponte e garantir segurança à população daquela região e também aos motoristas”, disse a secretária de Estado da Infraestrutura e presidente da Ageto, Juliana Passarin.

Outro trecho

Outro trecho da TO-030 afetado pelas chuvas é o que liga Santa Tereza a Ponte Alta do Tocantins. Outra equipe de técnicos da Ageto se deslocou, nesta quinta-feira (23), para o local com objetivo de melhorar a sustentação do maciço para que não haja a interdição da rodovia.

Este trecho localiza-se na serra próxima a Ponte Alta, onde houve deslizamento do corpo da pista. “Desde a semana passada, essa região tem registrado altos índices pluviométricos e isso tem impactado as rodovias. Para minimizar os impactos à trafegabilidade, a Ageto está monitorando os pontos críticos, com objetivo de gerar soluções imediatas aos problemas”, finalizou a secretária.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.