Eleições 2018

TSE confirma candidatura de Dilma, que lidera disputa ao Senado Federal por MG

A ex-presidente lidera as intenções de votos para o Senado em Minas Gerais. A votação em todo o Brasil será neste domingo (07).

Por Redação 559
Comentários (0)

04/10/2018 14h14 - Atualizado há 1 ano
Ex-presidente Dilma Rousseff

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou a candidatura de Dilma Rousseff (PT), nesta quinta-feira (04), e a ex-presidente deve ser eleita ao Senado.

Ela disputa o cargo por Minas Gerais e a última pesquisa IBOPE realizada no Estado aponta que Dilma lidera com 29% das intenções de votos.

Na briga pela a outra vaga para senador no Estado, há um empate técnico entre Carlos Viana (PHS), Rodrigo Pacheco (DEM) e Dinis Pinheiro (SD), com 17%, 15% e 14%, respectivamente.

Dilma sofreu o impeachment em 2016, mas teve os seus direitos políticos mantidos. Isso permitiu que ela disputasse um cargo político nestas eleições.

Os ministros do TSE afirmaram que a candidata preenche todas as condições de elegibilidade e não incorre em qualquer causa de inelegibilidade que possa afastá-la da disputa.

O Partido Novo e Leonardo Victor de Oliveira haviam apresentados recursos contra a candidatura da ex-presidente. 

Em seu voto pela rejeição dos recursos, o relator, ministro Luís Roberto Barroso, afirmou que não cabe ao TSE extrair da condenação, em processo de impeachment, sanção de inabilitação para o exercício de função pública, cuja aplicação foi expressamente afastada pelo Senado Federal.

Dilma lidera disputa para o Senado em MG

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.