Na madrugada

Vídeo flagra homem furtando decoração natalina do famoso pé de pequi em Araguaína

Suspeito ainda tentou fugir, mas foi contido pela Guarda Municipal.

Por Redação 1.371
Comentários (0)

02/12/2021 14h35 - Atualizado há 1 mês
Decoração no pé de pequi

Um homem foi preso após furtar parte da decoração natalina que enfeitava o famoso pé de pequi preservado no meio de uma das ruas do Setor Morada do Sol 3, em Araguaína. O caso ocorreu na madrugada desta quinta-feira (2/12).

Um vídeo de câmera de segurança mostra o momento em que o homem recolhe a iluminação que estava no chão (assista abaixo).

O suspeito foi preso pela Guarda Municipal de Araguaína (GMA) após uma denúncia. O homem foi encontrado empurrando uma carretinha com os enfeites.

“Quando a viatura da GMA se aproximou, o suspeito tentou fugir, mas realizamos uma busca pessoal e outros procedimentos rotineiros e ele confessou o furto. O suspeito então foi algemado, levado para a delegacia e foi constatado que já teria duas passagens na polícia”, afirmou o comandante da GMA, major Sebastião Lima.

A prefeitura também repercutiu o caso nas redes sociais. “Nosso Pé de Pequi Famosinho foi vítima de vandalismo e roubo nessa madrugada. Com uma carretinha a tiracolo, o ‘bunitão’ achou que ia sair bem-sucedido na triste história. Só não contava com a ronda da Guarda Municipal que, percebendo o movimento suspeito, o prendeu e recolheu o material”, escreveu.

A prefeitura ainda pediu a colaboração da população e que as pessoas denunciem esses atos de vandalismo. “Reiteramos o aviso aos mal intencionados e pedimos ajuda aos bons cidadãos: denunciem, não vamos tolerar! Nosso Natal não vai sucumbir à má conduta de alguns...”, frisou.

Vídeo

 

Número para denúncias

A GMA disponibilizou para a população o contato para denúncias desde essa quarta-feira, 1º de dezembro. O objetivo é facilitar a comunicação entre a comunidade e o serviço desempenhado pelos guardas.

“Esse número fica na sede, onde um guarda municipal recebe a demanda da sociedade e repassa as informações para as viaturas que estão nas ruas realizando patrulhamento”, explicou o comandante Sebastião Lima.

Como denunciar

Os 40 guardas municipais estão atuando no Município de forma integrada com os órgãos de segurança pública, protegendo prédios, espaços e bens públicos, com intuito de contribuir com a ordem social, na pacificação de conflitos e assegurar os direitos da população.

De acordo com a GMA, os patrulhamentos realizados nas ruas da cidade foram intensificados para inibir o furto e vandalismo das iluminações natalinas. Os araguainenses também podem contribuir com os serviços dos agentes ligando para o número: (63) 9955-4943 ou mandando mensagens via WhatsApp. O número funciona 24 horas.
 
“Estamos atuando no patrulhamento urbano, nos prédios, espaços públicos para inibir o vandalismo e também na questão da iluminação de natal. A gente solicita que a sociedade, quando ver esses crimes ocorrendo, automaticamente entre em contato tanto com a guarda como a Polícia Militar”, ressaltou Sebastião Lima.
 
Balanço

Os 40 guardas municipais estão operando na cidade desde o dia 6 de julho e, de acordo com dados do órgão, já atuaram em seis ocorrências de furtos de LED, quatro foram recuperados, uma moto adulterada foi apreendida e uma carretinha. Além disso, a GMA em parceria com ASTT (Agência de Segurança Transporte e Trânsito) atuou em 21 acidentes sem vítimas.
 
Prédio da Guarda

O próximo passo para implantação oficial da Guarda Municipal é a inauguração do prédio onde a força de segurança será instalada. O evento faz parte da programação do aniversário de Araguaína e será realizado no dia 7, terça-feira, às 17 horas. A sede será onde funcionava o Tiro de Guerra, prédio que foi reconstruído seguindo as normas exigidas pelo Exército e Polícia Federal.

Carretinha que era usada pelo suspeito
Guarda prendeu o suspeito
Material da decoração recuperado

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.