Votação sobre cassação de Marcelo e Cláudia Lelis está empatada no TRE-TO; pedido de vista adia decisão

Por Redação AF
Comentários (0)

21/08/2015 07h50 - Atualizado há 1 mês
<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br /> <br /> Um pedido de vista interrompeu o julgamento das representa&ccedil;&otilde;es que pedem a cassa&ccedil;&atilde;o do governador Marcelo Miranda (PMDB) e de sua vice, Cl&aacute;udia Lelis (PV), durante sess&atilde;o do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na tarde desta quinta-feira (20). A vota&ccedil;&atilde;o segue empatada, com dois votos favor&aacute;veis ao pedido do&nbsp;Minist&eacute;rio P&uacute;blico Eleitoral (MPE) e dois contr&aacute;rios.&nbsp;<br /> <br /> O juiz eleitoral Zacarias Leonardo, que havia pedido vista do processo em junho, os devolveu com voto pela cassa&ccedil;&atilde;o. O relator Jos&eacute; Ribamar Mendes J&uacute;nior j&aacute; havia votado pela improced&ecirc;ncia do pedido. A ju&iacute;za federal Denise Dias Dutra Drumond, ontem, acompanhou o voto de Zacarias, totalizando assim dois votos a favor da perda de mandato. J&aacute; o juiz Henrique Pereira dos Santos votou com o relator.<br /> <br /> Com isso, a situa&ccedil;&atilde;o atual da vota&ccedil;&atilde;o &eacute; de empate.&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">H&eacute;lio Eduardo da Silva,</span><span style="font-size:14px;">&nbsp;que n&atilde;o tem prazo para a devolu&ccedil;&atilde;o dos processos, dar&aacute; o voto de&nbsp;minerva.<br /> <br /> <u><strong>Entenda o caso</strong></u><br /> <br /> A Pol&iacute;cia Civil de Goi&aacute;s apreendeu uma aeronave em Piracanjuba (GO), em 18 setembro de 2014, com dinheiro e material de campanha de Marcelo e do ent&atilde;o candidato e hoje deputado federal Carlos Gaguim (PMDB). O MPE defendeu que o R$ 1,5 milh&atilde;o apreendido pela Pol&iacute;cia (R$ 504 mil em esp&eacute;cie) tinha como destino a campanha de Marcelo. O MPE apresentou que J&uacute;nior Miranda, irm&atilde;o do governador, teria coordenado a opera&ccedil;&atilde;o para arrecadar e aplicar o dinheiro apreendido.</span><br /> <br />
ASSUNTOS

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.