Balanço de 2022

'Que lugar incrível', declara jovem ao conhecer o Jalapão; parque foi visitado por 47.871 turistas

Mês com maior fluxo de visitantes foi julho, com 7.733 turistas.

Por Redação 535
Comentários (0)

04/01/2023 08h33 - Atualizado há 1 ano
Jéssica Melo de Sousa veio de São Paulo e disse que fez inveja aos amigos e familiares ao postar fotos do Jalapão em suas redes sociais

"Que lugar incrível. O pôr-do-sol, a cor das dunas, é tudo perfeito!". A exclamação é da jovem Adna Maria Felício Felipe, ao conhecer as dunas do Parque Estadual do Jalapão (PEJ), no início de dezembro passado. Ela conta que combinou com uma amiga de passar férias juntas e a deixou escolher o destino. “E ela escolheu o Jalapão, que era um sono que se tornou realidade”.

Adina Felipe é um dos 47.871 turistas que escolheram o Jalapão como roteiro de viagem entre janeiro e dezembro de 2022. Ela engrossa estatística do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio de pesquisa com foco no turismo, que aponta crescimento na busca por locais afastados dos grandes centros urbanos e com apelo no meio ambiente, o chamado ecoturismo.

Consolidado nesse ramo do turismo, o Parque Estadual do Jalapão registrou em julho do ano passado a presença de 7.733 turistas. Já o menor número foi contabilizado em dezembro, com 1.879 visitantes. 

Outra que apostou no Jalapão como destino de férias foi a representante comercial Jéssica Melo de Sousa, de Guararema (SP). “Já conhecia o Jalapão por fotos e vídeos e vim para cá já apaixonada pelo lugar e valeu muito a pena, inclusive pela interação com a comunidade; é realmente uma experiência única”, disse, revelando que já “causou inveja” nos amigos e familiares ao postar muitos vídeos e fotos em suas redes sociais.

Apesar do constante interesse pelo Jalapão, o gerente de Unidades de Conservação, Parques e Monumento Natural do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Gilberto Iris Oliveira, lembra que o parque  é uma área protegida e, por isso, o acesso aos atrativos tem capacidade limitada e horário de visitação determinado. 

“Além do monitoramento e fiscalização realizados pelo Naturatins, por meio de suas equipes que atuam no PEJ, os próprios guias e operadores de turismo credenciados para atuarem na região ajudam a orientar os visitantes quanto às normas de visitação”, ressalta o gerente. 

Em visita a Palmas, onde participou de um evento, o casal catarinense, Adriana e Flávio Graff, disse que o Jalapão é diferente de todos os lugares que já conheceram. “Vimos umas propagandas, uns cenários que queríamos conhecer e valeu muito a pena”, analisou Adriana. Já Flávio revelou que deixa por conta da esposa a escolha dos locais que visitam. “Muitas vezes nem sei para onde estou indo, deixo por conta dela, que sempre acerta, como agora”, declarou. 

O guia turístico Tony Garcia leva pessoas para o Jalapão desde 2017. Ele explica que para ser um bom guia é preciso dar informações sobre os locais que serão visitados, mostrando os detalhes , os ângulos certos, para que os turistas tirem o melhor proveito da experiência. “Além disso, como o percursos é muito longo e de difícil acesso, é preciso ir conversando, explicando e, claro, fazendo muitas paradas para as fotos”, pontuou.

O supervisor do Parque, Alessandro Vieira, alerta que a visita às dunas, principal atrativo do PEJ, tem que ser feita com o acompanhamento de um guia credenciado pelo Naturatins. “O guia é responsável pelas orientações específicas de visitação a uma unidade de conservação, como não deixar lixo no local e não levar nada de lá, apenas fotografias”, completa. 

Redução

Apesar de o número de visitantes no PEJ no ano passado ser expressivo para uma unidade de conservação, cujo acesso é off road, houve uma redução de 13,86% em relação a 2021, que contabilizou 55.579 turistas. 

De acordo com Gilberto Iris Oliveira, o número recorde de visitantes registrado em 2021 teve como uma das causas a demanda reprimida causada pela pandemia, que fez com que as pessoas adiassem planos de viagens. “Assim, quem não pode viajar em 2020, acabou fazendo isso em 2021 e o Jalapão, por ser isolado, foi um dos destinos mais procurados, registrando o recorde de mais de 55 mi visitantes”, analisa o gerente do Naturatins.

Ainda conforma Gilberto, a redução deste ano teve influência também do alto custo das passagens áreas. “Em 2022, viajar ficou muito caro e o deslocamento de outros estados para Palmas, onde começa a viagem para o Jalapão, fez com que muitos adiassem o passeio”, ponderou. 

Ele prevê que este ano de 2023 a expectativa é que o número volte a crescer. "A região ainda é pouco explorada e os investimentos do Governo do Estado em pavimentação vai melhorar bastante o acesso, reduzindo custos de viagem, bem como parcerias com instituições como o Sebrae para fomentar e capacitar o turismo local", concluiu.

Adna Maria Felício Felipe veio de Fortaleza e ficou apaixonada pelo pôr-do-sol nas dunas do Jalapão
Adriana e Flávio Graff, de Santa Catarina, afirmaram que o Jalapão é diferente de todos os lugares que já visitaram
Tradicionalmente, dezembro é o mês com menor número de visitantes, registrando no ano passado 1.879 turistas
Julho registrou mais um vez o maior número de visitantes durante o ano, com 7.733 turistas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.