Sobral – 300×100
Seet

HDT-UFT comemora aniversário de professora que faz tratamento há 12 anos contra doença rara

Agnaldo Araujo - |
Foto: Ascom
O aniversário da paciente foi comemorado dentro do hospital

Os 58 anos de vida da paciente Maria Creusa Borges foram comemorados com muita alegria em festa de confraternização realizada por colaboradores do Hospital de Doenças Tropicais da Universidade Federal do Tocantins (HDT-UFT), em Araguaína (TO). A comemoração foi realizada nesta quinta-feira (13/04).

A paciente tem uma doença rara de imunodeficiência primária, que afeta o sistema imunológico, fazendo com que ela permaneça internada por 15 dias todo mês no hospital para tratamento. Isso há 12 anos, embora o diagnóstico tenha se efetivado há três anos. Na América Latina, somente Maria Creusa e mais outra pessoa foram diagnosticados com a doença até hoje.

Dona Creusa é professora, carrega um sorriso fácil e cativante, é vaidosa, adora cozinhar, fala com muito carinho dos seus familiares e diz que os funcionários do HDT são sua segunda família. “Neste aniversário quero agradecer a Deus pela vida, e a todos que me acompanham diariamente, sou muito feliz e tenho gratidão pelo carinho que recebo aqui. A mensagem que deixo para as pessoas é que não percam a esperança, não é fácil, mas estou viva porque eu escolho viver, não desisto jamais”, comentou.

A psicóloga e chefe da Unidade Multiprofissional, Satila Evely explicou que a iniciativa faz parte das atividades do Grupo de Trabalho de Humanização do hospital, que tem o objetivo de trabalhar o protagonismo dos usuários, além de propiciar um momento de confraternização e integração entre os profissionais envolvidos no cuidado e a família dos assistidos. “Ficamos surpresos e felizes com a participação de funcionários de vários setores que colaboraram para que alcançássemos o objetivo da ação”, enfatizou.

Além dos colaboradores do HDT, participaram também da comemoração, a nora, o neto e o filho de Dona Creusa, Everton Borges, que se emocionou ao ler um breve relato escrito por sua mãe, contando sobre sua trajetória. Na mensagem ela contou sobre os desafios e a motivação que a mantém firme na caminhada.

Para a médica Alexsandra Rossi, que acompanha a paciente há bastante tempo, a Dona Creusa é um grande exemplo de força de vontade. “Ela é uma pessoa muito querida por todos nós, é uma guerreira e nos ensina com a sua garra e determinação”, finalizou. (Ascom-HDT)

Comentários pelo Facebook: