Sobral – 300×100
Seet

Olyntho recebe projeto que destina verba para construção do Hospital Geral de Araguaína

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação/ascom
Deputado Olyntho Neto

O projeto que solicita autorização para contratação de financiamento junto ao Banco do Brasil no valor de R$ 146,7 milhões foi distribuído à Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), da Assembleia Legislativa, para análise, a qual o deputado de Araguaína Olynhto Neto (PSDB) é o presidente. O projeto está na casa de lei desde dezembro do ano passado.

Do valor total do empréstimo, R$ 50 milhões serão destinados para dar continuidade à construção do Hospital Geral de Araguaína (HGA). O projeto foi lido em plenário na sessão da AL desta quarta-feira (31), e depois encaminhado para a CCJ, que vai analisar a constitucionalidade, legalidade e outros quesitos que visam garantir a lisura da operação de crédito financeiro, como por exemplo, capacidade de endividamento do Estado.

Olyntho Neto não descartou a possibilidade de surgir novas solicitações de informações ao governo do Estado. O deputado considerou também que, se houver necessidade, deverá ampliar a discussão com a sociedade por meio de audiências públicas.

O projeto foi distribuído par a CCJ assim que o governo alterou a redação do documento incluindo parte do financiamento pretendido para a continuidade da construção do Hospital Geral de Araguaína (HGA), atendendo a solicitação do deputado Olyntho. “O hospital geral estava fora das prioridades apresentadas pelo Governo do Estado com o dinheiro do financiamento, constando apenas uma reforma no Regional, o que me causou preocupação, pois é urgente a necessidade de construção do Hospital Geral”, explicou Olyntho. O deputado se reuniu várias vezes com representantes do governo indicando a necessidade de dar continuidade à construção do HGA.

Recentemente, o vereador de Araguaína José Ferreira Barros Filho, o Ferreirinha, afirmou que o Olyntho Neto está “sentado em cima do projeto e não vai votá-lo na comissão por que quer que o governador pague suas emendas”. “Araguaína pode ficar sem o Hospital Geral por que Olyntho está sentado em cima do projeto na Comissão. É muita contradição”, criticou.

Entenda

Preocupado com informações veiculadas na imprensa sobre a tramitação do PL 048/2016 na Assembléia Legislativa, o deputado Olyntho Neto publicou um vídeo nas redes sociais esclarecendo o andamento do processo e sua preocupação com a não inclusão da continuidade da construção do HGA nos planos do governo para o financiamento. O vídeo gerou grande repercussão.

No dia 27 de março de 2017, o secretário de Estado do Planejamento, Davi Torres, esteve no gabinete do deputado e tratou sobre o assunto. “Questionei quando o governo informou que faria apenas uma reforma no Hospital Regional de Araguaína, sem mencionar a construção do Hospital Geral. Por isso, fui buscar informações e apresentei os argumentos que apontam a necessidade de continuar a construção do HGA, obra primordial para aliviar os problemas enfrentados pela Saúde no nosso Estado”, ressaltou Olyntho.

O deputado salientou a necessidade de uma análise responsável no pedido do Governo, de autorização para contração de empréstimo e também a importância de transparência em todo o processo. Além de Olyntho, o presidente da Assembleia, deputado Mauro Carlesse (PHS), também solicitou informações ao Executivo sobre a aplicação do recurso oriundo de empréstimo. “É de interesse da sociedade saber antecipadamente as intenções do Governo quanto a aplicação de verba pública”, explicou Carlesse.

Comentários pelo Facebook: