MEIO AMBIENTE

Mais de 500 kg de lixo são recolhidos de praias e acampamentos no Rio Araguaia

Voluntários realizam ação desde 2015 após a temporada de veraneio.

Por Redação
Comentários (0)

21/09/2021 16h14 - Atualizado há 1 mês
Voluntários recolheram lixo deixado nos acampamentos, nas margens e no rio Araguaia

Mais de meia tonelada de lixo foi retirada do Rio Araguaia durante uma ação realizada por servidores do Naturatins e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo de Araguaína com apoio da Colônia de Pescadores e voluntários.

O principal objetivo da ação foi recolher os resíduos sólidos deixados para trás nos acampamentos e praias às margens do rio, retirando-os da natureza e fazendo o descarte correto.

Ação “Araguaia Limpo”, idealizada pelo voluntário João Nilson Lima do Carmo, é realizada anualmente desde 2015, sempre no terceiro sábado do mês de setembro, quando se comemora o Dia Mundial da Limpeza de Praias e Rios.

A pedagoga Hélia Regina Araújo da Silva, responsável pela educação ambiental do escritório do Naturatins em Araguacema, contou que a equipe da limpeza se reuniu às 8 horas, no Porto do Cais, onde recebeu instruções sobre a ação.

Além de recolher o lixo, a equipe também promove a conscientização sobre a importância de manter os rios limpos e preservar o meio ambiente.

A equipe foi dividida em nove grupos, todos embarcados. Eles fizeram o percurso abaixo do Porto do Cais e Praia da Gaivota; margem esquerda do rio Araguaia, com início na Praia do Chicão, Praia da Andorinha, Porto da Balsa (margem esquerda até a Ilha da Madalena); margem direita do rio Araguaia, acima do porto do Cais, passando no Porto da Balsa, Praia do Meio, Praia do Caititu até o Rio Caiapó.

A equipe voltou a se reunir na Base dos Pescadores do Projeto do Acordo de Pesca do Rio Caiapó, para o almoço, que foi seguido de palestras. “Foram apresentados temas importantes, como a importância do rio Araguaia, pela sua biodiversidade, riqueza biológica e suas praias”, informou Hélia.

Ela disse ainda que também foram apresentados alguns problemas ambientais que o rio Araguaia enfrenta, dentre os quais a intensa atividade turística, que contribui para o acúmulo de lixo.

Segundo dados do Escritório Regional do Naturatins em Araguacema, somente neste ano foram firmados 38 termos de compromissos com os responsáveis pelos acampamentos às margens do rio Araguaia.

Tivemos uma ótima aceitação na assinatura dos termos e, durante a coleta, observamos que os acampamentos que assinaram os termos não deixaram lixo acumulado para trás”, avaliou Hélia, contrapondo que os acampamentos que não formalizaram o termo deixaram muito resíduo sólido que foi recolhido durante a ação.

João Nilson é morador de Araguacema e comanda os voluntários na ação “Araguaia Limpo” há sete anos e mesmo assim ainda se surpreende com as coisas que as pessoas jogam nos rios. “Tiramos da água cadeiras velhas, garrafas de vidro e pet, latas, papelão, lona velha, portas e até pneus”, exemplifica. Ele disse que todo o lixo foi levado por um trator para descarte correto.

O sucesso do projeto, que já realizamos há sete anos, se dá porque somos um grupo, uma equipe, que trabalha no dia de folga, de maneira voluntária, fazendo isso pelo prazer de ver nosso rio limpo e de, aos poucos, mudar a consciência das pessoas em relação à preservação”, ressalta João Nilson.

Ele diz que todos os anos consegue reunir um grupo de 20 a 25 voluntários. “Mas, apesar dos resultados positivos, ainda é frustrante ver que tanta gente não se conscientizou sobre a importância de preservar o meio ambiente e que isto é responsabilidade de todos”, reforça o voluntário.

Voluntários do Naturatins, da Prefeitura de Araguacema, Colônia de Pescadores e da comunidade em geral participaram da ação
oluntários tiraram da água todo tipo de resíduo sólido descartado por veranistas
Voluntários recolheram lixo deixado nos acampamentos, nas margens e no rio Araguaia

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.