Vacinado

Aos 60 anos, Carlesse toma 1ª dose da vacina contra a covid-19 e incentiva imunização

Chefe do Executivo Estadual recebeu dose da vacina Astrazeneca.

Por Redação
Comentários (0)

07/05/2021 14h21 - Atualizado há 1 mês
Governador Mauro Carlesse

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 nesta sexta-feira (07), no Quartel do Comando-Geral da Polícia Militar (QCG/PM), em Palmas.

Carlesse tem 60 anos de idade e se enquadra no grupo prioritário de pessoas com 60 anos ou mais. A aplicação da segunda dose da vacina Astrazeneca está marcada para o dia 7 de agosto.

Confessando sentir ansiedade para que chegasse sua vez de ser imunizado, o chefe do Executivo Estadual comemorou a primeira dose e orientou que toda a população espere a sua vez e busque a vacinação.

“Estou muito feliz por ter chegado minha vez e estava muito ansioso. Agora, imunizado com a primeira dose, vou continuar fazendo meu trabalho com mais segurança. Peço que não deixem esta oportunidade passar! Temos indígenas e algumas outras pessoas que não estão querendo receber a vacinação, que acham que não há necessidade, mas só com a vacina a gente vai poder conseguir voltar as coisas à rotina. Se todos se vacinarem, mais rápido conseguiremos voltar às atividades com mais segurança e saúde”, reforçou.

O governador destacou ainda a importância do respeito aos profissionais capacitados e ao que diz a ciência. “Existem muitas notícias falsas, mas a gente não pode ir contra o que diz a ciência. Temos que acreditar e respeitar. Este vírus não está de brincadeira! Aproveito para pedir, mais uma vez, que não façam aglomerações, que usem máscara e continuem a tomar todas as medidas de prevenção”, solicitou.

Quem também comemorou o recebimento da primeira dose da vacina foi o policial penal Bruno Sales Moraes. “A sensação é de mais segurança, de valorização das forças que vêm trabalhando na linha de frente. Graças a Deus, estou me sentindo muito bem tomando a primeira dose e oriento que todos façam o mesmo”, afirmou.

De acordo com o comandante-geral da PM, coronel Júlio Manoel da Silva Neto, 1.716 policiais militares já haviam sido vacinados contra a Covid-19 até a semana passada. “Estão recebendo as doses tanto os militares que estão no trabalho operacional como aqueles do administrativo que estão reforçando a Operação Covid nos municípios, cumprindo uma determinação do governador Carlesse em relação à fiscalização. O que percebemos é que a vacina tem proporcionado uma sensação de mais segurança para o nosso policial, que está no combate diário ao vírus”, destacou.

Inclusão de mais grupos prioritários

No QCG da Polícia Militar, estão sendo vacinados profissionais que atuam nas Forças de Segurança, grupo que foi incluso no grupo prioritário de vacinação a pedido do Governo do Tocantins. Outro grupo que a Gestão Estadual também vem tentando priorizar é o dos profissionais da Educação.

Para isto, o governador Carlesse já encaminhou ofício direcionado ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, solicitando autorização do órgão para que esses profissionais sejam vacinados. O secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini, está em Brasília (DF) fazendo gestão no Ministério para que a autorização seja obtida e, assim, seja possível proporcionar um ambiente mais seguro para o retorno das aulas presenciais no Estado.

“Assim como foi feito com os profissionais das Forças de Segurança, queremos fazer com aqueles que atuam na Educação. O retorno presencial das aulas é uma necessidade, é um desejo, mas isto só pode acontecer se tivermos segurança e isto será possível com este grupo também sendo vacinado. Por isso, o secretário de Saúde está em Brasília e eu estarei lá na semana que vem para que a gente consiga esta inclusão. Esperamos que o Ministério da Saúde tenha este entendimento não só para com o Estado do Tocantins, mas como para com o Brasil inteiro”, explicou o governador Mauro Carlesse.

Carlesse sendo vacinado

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.