Seduc

Candidatos acordam cedo para provas do concurso da Educação: 'quero lecionar, é um sonho antigo'

O certame teve mais de 37 mil inscritos para mais de 5 mil vagas.

Por Redação 891
Comentários (0)

11/06/2023 10h24 - Atualizado há 1 ano
Certame atraiu candidatos de diversas partes do Tocantins e até de outros Estados

Candidatos de todas as regiões do Tocantins e até de outros estados acordaram cedo neste domingo (11) para realizarem as provas do concurso público da educação, que oferece 5.242 vagas. O certame é promovido pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Administração (Secad) e da Secretaria da Educação (Seduc).

É o caso da pedagoga, Maria Elma Gonçalves, que viajou de Silvanópolis a Palmas para concorrer a uma vaga de orientadora pedagógica. Ela conta que desde que se formou espera pelo concurso e que sua preparação foi extensa. “A expectativa está grande e muito boa. Já trabalho na educação com assistência a pessoas especiais e quero me dedicar ainda mais a esse trabalho de inclusão sendo uma servidora efetiva do Estado”, declara.

Outro candidato que deseja compor o quadro de professores efetivos do Tocantins é Paulo Tavares. Morador de Patos de Minas (MG), ele conta que quando soube do concurso logo se inscreveu. “Hoje atuo como comerciante, mas quero lecionar, pois é um sonho antigo e espero conseguir uma vaga”, frisou.

O secretário da Administração Paulo César Benfica Filho salienta a importância do concurso para o Tocantins e também para a comunidade educacional do Estado. “A realização desse certame é uma grande oportunidade para os profissionais da área, que podem ingressar em uma carreira estável e buscar desenvolvimento profissional em um ambiente de trabalho desafiador e recompensador’’, ressaltou.

As provas do Concurso da Educação ocorrem em nove municípios: Araguaína, Araguatins, Arraias, Augustinópolis, Gurupi, Miracema do Tocantins, Palmas,  Paraíso do Tocantins e Campos Belos (GO), das 8h as 13h. O certame teve mais de 37 mil inscritos.

Certame

O concurso oferta vagas para o provimento dos cargos de professor da educação básica, coordenador pedagógico, orientador educacional, professor da educação básica, orientador educacional e coordenador pedagógico na educação indígena. Estão sendo ofertadas 5.242 vagas. 

A remuneração inicial prevista para o professor da educação básica é de R$ 4.826,20. Todas informações sobre resultados e afins podem ser acessadas pelo site da Fundação Getúlio Vargas, no endereço eletrônico https://conhecimento.fgv.br/concursos/secad.to

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.