Matando a saudade

Delivery de livros e atividades remotas aproxima professores e estudantes em Araguaína

O método utiliza atividades não-presenciais por meio do Portal do Aluno

Por Redação
Comentários (0)

06/08/2020 17h44 - Atualizado há 1 mês
Projeto deve ser realizado a cada 15 dias

O pequeno Guilherme Henrique, de 4 anosera só felicidade ao ver de longe a tia Zilma, professora do Centro de Educação Infantil (CEI), onde ele estuda. “Fiquei alegre ao ver a tia porque estou com muita saudade dela e dos meus coleguinhas da creche”, disse. 

A atitude do garoto tem sido a mesma dos alunos do CEI São José Operário, no Bairro JK, ao receberem a equipe da Biblioteca Móvel da unidade de ensino, que está entregando na casa dos estudantes as atividades remotas e livros que contribuirão com o estudo nesse período longe da sala de aula. 

A ideia surgiu como forma de permitir que as crianças matem um pouco da saudade dos professores e da equipe escolar. “Está sendo gratificante ver a reação deles e dos colaboradores também, emoção, felicidade e muita motivação nesse reencontro em meio a tanto tempo longe”, descreveu a diretora do CEI, Leia Mendes de Araújo. 

A Biblioteca Móvel é um projeto de iniciativa da equipe do CEI São José Operário e deve ser realizada a cada 15 dias para 91 alunos na faixa etária dos 4 a 5 anos, das turmas de 1º e 2º períodos. 

Cuidados essenciais 

Para evitar o contato direto com as crianças, a equipe que realiza a entrega usa todo equipamento recomendado para evitar a transmissão da covid-19 e orienta os pais ou responsáveis que disponibilizem uma superfície como cadeira ou mesa, por exemplo, onde o material é colocado para desinfecção. 

“Fazemos dessa forma para evitar o contato direto com quem vai nos receber. A intenção é mesmo que eles nos vejam, falem um pouco conosco e ali saímos renovados em pelo menos estar com eles, mesmo de longe”, concluiu a diretora. 

A avó do Guilherme Henrique preparou um banquinho em frente ao portão e recebeu com amor o delivery das atividades. “Nossa! Fiquei muito feliz em ver a equipe da creche do meu neto aqui em casa. Além de facilitar para gente a questão do acesso às atividades, deixou o Guilherme muito feliz”, contou dona Nauri Leal. 

Equipe adota medidas de segurança contra a covid-19

Ensino a distância

Desde o dia 17 de junho, a Prefeitura de Araguaína iniciou uma proposta de ensino remoto diante da suspensão das aulas presenciais devido à pandemia da covid-19. O método utiliza atividades não-presenciais por meio do Portal do Aluno, que pode ser acessado no site da Prefeitura ou pelo aplicativo de celular.

Além da plataforma on-line, o material didático também pode ser retirado na escola a cada 15 dias. Neste sistema, os professores participam de todo o processo de aprendizagem realizado em casa e orientam os pais e responsáveis na aplicação das atividades. Eles ainda avaliarão as tarefas após o retorno das aulas presenciais com a revisão de cada conteúdo, caso seja necessário. 

(Adriana Santana)

Aluno com material escolar

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.