Educação

Escola de Araguaína participa de torneio internacional de robótica em Minas Gerais

Por Redação AF
Comentários (0)

21/02/2018 08h52 - Atualizado há 1 semana
Alunos do Serviço Social da Indústria (SESI) de Araguaína irão participar da etapa regional do torneio First Lego League (FLL) nos dias 23 e 24 de fevereiro na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais. A equipe Tucuna Robot’s, orientada pelos professores Mário Junior Saviato e Ulisses Queiroz Parreira, é formada por nove alunos do ensino fundamental e médio que desenvolveram o robô Robotic Cleaning com o objetivo de coletar resíduos sólidos de grandes proporções submersos ou flutuantes em rios e lagos. A competição, que é internacional, neste ano tem o tema Hydro Dynamics e desafia os alunos a perceberem o uso, transporte e descarte da água, identificar problemas reais e apresentar soluções viáveis para sanar o problema encontrado por meio de robôs. Na etapa regional, os alunos da Escola SESI apresentarão o projeto de pesquisa que desenvolveram sobre o tema e o robô que programaram à banca de juízes da competição. A equipe se prepara há meses para o torneio e os alunos estão empenhados em serem os melhores nas provas, como explica o professor Ulisses Parreira. “Como educador, é muito gratificante ver o empenho dos alunos em desenvolver o projeto e se esforçarem para serem os melhores na competição. Além disso, a robótica influencia na melhora do rendimento escolar dos alunos e também no comportamento social deles com o trabalho em equipe, foco e determinação em abraçar a oportunidade que eles conquistaram de competir”, afirma Ulisses. O aluno Irlandy Ryan Vieira, de 17 anos, comenta que a robótica é importante para o seu desenvolvimento escolar e pessoal. “Já participo da equipe há cinco anos e o trabalho de robótica me ajuda a desenvolver habilidades de engenharia mecânica e programação que vão agregar à minha formação, pois quero seguir carreira profissional nesta área”, aponta. Além de Irlandy, a Tucuna Robot’s é formada pelos alunos: Arthur Rodrigues Santos Lima, Carlos Augusto Ramos Oliveira, Elson Eduardo Costa da Silva, Gabryelle Guimarães Castro de Sousa, Jullyana da Silva Augusto, Kimilly Leite Rodrigues, Lucas Vinicius Oliveira Cardoso e Mariana Moraes Cunha. Pesquisa e Robô A equipe fez pesquisas teóricas e visita ao lago da cidade para coleta de resíduos sólidos nas margens, além dos córregos Neblina, rio Lontra e córrego Raizal, localizado no parque Cimba. Além disso, realizaram entrevistas com a população e com órgãos públicos responsáveis pela limpeza e preservação dos rios e lagos citados, como o Instituto Brasileiro Do Meio Ambiente e Dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Instituto Natureza Do Tocantins (Naturatins) e órgãos governamentais para obtenção de dados estatísticos. Todas estas ações foram elaboradas em conjunto com a comunidade escolar. O Robotic Cleaning é uma máquina de formato hidrodinâmico, sustentada por meio da energia captada por placas solares e munido de sensores ultrassônicos que identificam a profundidade e a distância para a submersão e coleta de resíduos submersos e flutuantes. (Por Andréia Fernandes)

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.