Fungetur

Governo garante crédito de até R$ 2,5 milhões para empresas do ramo turístico no Tocantins

As taxas de juros serão subsidiadas e poderão ter o prazo de até 240 meses e carência de 60 meses.

Por Redação
Comentários (0)

09/01/2020 08h16 - Atualizado há 2 anos
Fachada da Agência de Fomento

O Governo do Tocantins assinou um contrato de crédito de mais de R$ 10,6 milhões com o Fundo Geral do Turismo (Fungetur) que será oferecido a empresas e também a Microempreendedores Individuais (MEI) do segmento turístico.

As taxas de juros serão subsidiadas e poderão ter o prazo de até 240 meses e carência de 60 meses, dependendo da linha a ser efetivada. Os financiamentos poderão ser feitos para obras civis de implantação, ampliação, modernização, reforma, capital de giro e bens destinados a empreendimentos turísticos.

Cada empresa poderá financiar até R$ 2,5 milhões. Os projetos serão analisados e poderão ser aprovados em até 100%, dependendo do item que poderá ser financiado.

A presidente da Agência de Fomento, Denise Rocha, destacou a dedicação do governador Mauro Carlesse em atender a todos os municípios. “O governador tem feito um ótimo trabalho pelo Estado e tem buscado estender as linhas de crédito a todas as regiões também por meio da Fomento. E agora, ele conseguiu uma linha especial para o turismo”, disse.

Denise Rocha ainda afirmou que o investimento irá fortalecer o crescimento de várias regiões do Estado. “Podemos melhorar diversas regiões turísticas do Tocantins, como as Serras Gerais, Bico do Papagaio e Vale Araguaia, entre outras. Dar mais estabilidades aos turistas, fomentar a construção de mais hotéis e pousadas. O turista que gosta de ir ao Jalapão poderá vir e visitar outras cidades também tão maravilhosas quanto”, destacou.

Os empreendedores interessados podem nos procurar que temos linhas com prazos longos e taxas subsidiadas. Este crédito é muito importante para o turismo do Estado e para o investidor”, afirmou a presidente da Fomento.

As empresas interessadas no crédito podem procurar a Fomento. Elas devem ser cadastradas ou se cadastrar no Cadastur e serem localizadas em municípios que fazem parte do Mapa do Turismo do Brasil.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.