Operação

PF apreende cestas básicas em operação contra compra de votos no interior do Tocantins

A investigação foi determinada pela Justiça Eleitoral.

Por Redação 8.252
Comentários (0)

05/11/2020 08h08 - Atualizado há 2 meses
Operação da PF investiga compra de votos com cestas básicas

Em cumprimento a determinação da Justiça Eleitoral do Tocantins, a Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (5), a Operação Xicaca, visando coibir suposta distribuição de cestas básicas a eleitores por candidatos no município de Centenário, região central do Estado.

Aproximadamente 16 agentes cumprem 4 mandados de busca e apreensão no município de Centenário, expedidos pela 33ª Zona Eleitoral de Itacajá. Durante a operação, dezenas de cestas foram encontradas em uma residência particular, que não pertence a nenhum dos candidatos a prefeito.

A Polícia Federal teve conhecimento de que candidatos estariam distribuindo e estocando cestas básicas para futura distribuição a eleitores podendo configurar abuso de poder político e econômico e ainda crime de compra de votos.

Segundo informações apuradas, as cestas foram entregues pelo Governo do Estado para uma associação.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de associação criminosa e compra de votos.

O nome da Operação 'Xicaca' faz alusão ao vocábulo 'cesta', em referência a distribuição de cestas básicas pelos candidatos.

CENTENÁRIO

Três candidatos a prefeito disputam a eleição no pequeno município de apenas 2.936 habitantes: Focilides Carvalho (Pros), Francisca Figueredo (PSD) e Iron Curcino (PTB).

PF cumpriu mandados em um imóvel de um dos candidatos a prefeito
PF apreendeu dezenas de cestas básicas estocadas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.