Mudanças

Siqueira Campos passa menos de 30 dias como senador, tira licença e Gomes reassume cargo

No Senado, Siqueira apresentou 24 peças legislativas e outros requerimentos para fins diversos.

Por Redação 933
Comentários (0)

15/08/2019 09h00 - Atualizado há 11 meses
Siqueira Campos

O senador Siqueira Campos (MDB) tirou licença para tratamento de saúde e já terminou sua primeira passagem pelo Senado Federal nesta quarta-feira (14). Com isso, Eduardo Gomes reassume a vaga.

Gomes estava há um mês como secretário de Estado da Governadoria do Governo do Tocantins. O pedido de exoneração dele foi publicado no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira.

No Senado, Siqueira apresentou 24 peças legislativas e outros requerimentos para fins diversos. Ao comentar sua saída, ele disse se sentir honrado em representar o Tocantins no Senado aos 91 anos. “Não tenho o mesmo vigor físico de antes, mas a mente ferve com ideias e o coração transborda de alegria e emoção por representar o Estado dos meus sonhos, o Tocantins, no Parlamento", disse.

Siqueira também falou que os trabalhos se intensificarão no Senado com o debate sobre a reforma da Previdência e acrescentou que 'a missão será mais bem desempenhada’ por Eduardo Gomes. “Homem honrado e preparado, que está apto para a longa, pesada e acalorada rotina de debates”, frisou. 

Embora o afastamento decorra de suas condições de saúde, Siqueira Campos dispensou a remuneração prevista nesses casos e não vai gerar despesas para o contribuinte.

+ Eduardo Gomes é nomeado secretário na gestão Carlesse e Siqueira assume vaga no Senado

+ Siqueira Campos quer limitar carga tributária em 30% do PIB e saque do FGTS junto com salário

+ Projeto de Siqueira Campos permite matrícula em faculdade antes de concluir ensino médio

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.