Auditoria

Sob suspeita de corrupção, TCE dá 48h para Governo apresentar documentos sobre Plansaúde

Tribunal deu prazo de 48 horas para secretário de Estado fornecer documentos e informações.

Por Redação 798
Comentários (0)

21/08/2019 08h18 - Atualizado há 2 anos
Edson Cabral de Oliveira

O Tribunal de Contas do Tocantins (TCE) abriu processo para apurar possíveis irregularidades na gestão e aplicação dos recursos públicos do Fundo de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Tocantins (Funsaúde), que é destinado à capacitação e aplicação dos recursos financeiros necessários ao implemento do Plansaúde).

No despacho publicado no Boletim Oficial da Corte de Contas desta terça-feira (20), a relatora Doris de Miranda Coutinho recebeu a representação formulada pelo Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (Sisepe/TO).

Ela também deu prazo de 48 horas para que o gestor do Funsaúde, Edson Cabral de Oliveira, alimente o Sistema Integrado de Controle e Auditoria Pública – Licitações, Contratos e Obras (SICAP-LCO) com as informações da execução dos contratos do Funsaúde/Plansaúde, dentre eles os decorrentes do Credenciamento nº 01/2017, do Pregão Presencial nº 03/2018 e do Credenciamento nº 01/2019.

Além disso, ele deve apresentar as seguintes informações e documentos:

a) os regulamentos relativos ao Funsaúde e Plansaúde;

b) tabela de preços anterior e referente ao exercício de 2019;

c) cópia dos extratos bancários vinculados ao Plansaúde de janeiro a agosto de 2019;

d) valor da dívida do Plansaúde, detalhada por competência, valor e credor, independente do registro contábil;

e) valor da dívida do Plansaúde registrada na contabilidade no passivo permanente no atributo “P” detalhado por competência, valor e credor;

f) valores a receber do Plansaúde não repassado pelo Governo do Estado, detalhados por competência e unidade gestora;

g) relação de todos os prestadores de serviços credenciados e/ou contratados;

h) comprovação de alimentação do SICAP-LCO.

+ Áudio de médico sobre Plansaúde agita fim de semana no Tocantins e requer esclarecimentos

+ Quem é o deputado citado no suposto esquema de propina do Plansaúde? Palácio já sente pressão

+ Deputado já busca assinaturas para instaurar CPI do PlanSaúde após denúncias de corrupção

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.