Em Itaguatins

Suspeito de matar irmão de policial militar com vários socos e chutes é preso no Tocantins

Crime ocorreu em 6 de dezembro de 2020 em Parauapebas (PA).

Por Redação 1.202
Comentários (0)

30/01/2021 08h36 - Atualizado há 11 meses
Homem também responde a um crime de homicídio tentado em Itaguatins

Um homem de 28 anos suspeito pela prática de homicídio na cidade de Parauapebas (PA) foi preso logo após ser localizado em um bar na cidade de Itaguatins, região do Bico do Papagaio, nesta sexta-feira (29).

Segundo o delegado Antonio Bandeira, os policiais civis obtiveram informações da polícia paraense de que o suspeito de assassinar o irmão de um policial militar de Parauapebas estaria escondido em Itaguatins.

“Com base nas informações recebidas, intensificando as buscas e localizamos o suspeito e, de posse da decisão judicial, efetuamos a prisão do mesmo”, disse a autoridade policial.

O crime

Segundo o delegado Antonio Bandeira, na noite de 6 de dezembro de 2020, o suspeito foi até a casa da vítima, de 47 anos, e iniciou uma conversa que, momentos depois, evoluiu para um confronto físico.

“Durante a luta corporal, o indivíduo preso hoje [sexta-feira] desferiu vários socos e chutes que atingiram, sobretudo, a cabeça da vítima. Mesmo socorrida, a vítima não resistiu à gravidade dos ferimentos e veio a óbito”, disse o delegado.

Fuga para o Tocantins

Ainda segundo a autoridade oficial, um dia depois de supostamente cometer o crime, o investigado fugiu para Itaguatins, onde permanecia em liberdade.

Periculosidade

O delegado ressalta ainda que o homem preso é de extrema periculosidade e já responde a um crime de homicídio tentado em Itaguatins, além de crimes de roubos.

”Nossas investigações apontaram que o suspeito havia se mudado para o Pará, onde respondia, em liberdade, pelos crimes praticados no Tocantins”, frisou o delegado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.