Rompimento de barragem

Trabalhador do Tocantins está entre os desaparecidos na tragédia em Brumadinho

Wanderson Soares está sem fazer contato com os familiares desde a sexta-feira (25), dia da tragédia.

Por Raimunda Costa 3.233
Comentários (0)

28/01/2019 10h36 - Atualizado há 1 ano
Wanderson Soares

Chegou ao quarto dia as buscas pelos 305 desaparecidos após o rompimento de uma barragem da mineradora Vale em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG).

Na lista dos desaparecidos está o tocantinense Wanderson Soares Mota, de 32 anos, natural de Filadélfia, norte do Estado. Segundo a Vale, ele trabalha como operador de máquinas.

De acordo com a mãe de Wanderson, Maria Neuza, a última mensagem que recebeu do filho foi na manhã de sexta-feira (25), dia da tragédia. Ela disse também que o filho olhou o celular pela última vez no horário do almoço.

Nesta segunda-feira (28), 136 militares de Israel vão reforçar os trabalhos no local da tragédia. Eles vão se juntar aos mais de 270 brasileiros de vários órgãos que já atuam na região.

Entenda o caso

A barragem de rejeitos se rompeu na sexta-feira (25) e ficava na mina de Córrego do Fundão. A lama varreu a comunidade local e parte do centro administrativo da empresa. Entre as vítimas estão moradores locais e centenas de funcionários da Vale.

Balanço

- Até agora, 58 mortes foram confirmadas pelas autoridades.

- Dos 58 mortos confirmados, 19 foram identificados.

- 192 sobreviventes foram resgatados

- Entre as 305 pessoas desaparecidas, há moradores locais e funcionários da Vale.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.