Repercussão

Vídeo: Professor da UFT chama Governo de 'irresponsável' por taxar frigoríficos em 12% no Tocantins

Da noite para o dia, o Governo suspendeu os benefícios fiscais ao setor.

Por Arnaldo Filho 2.531
Comentários (0)

03/10/2019 12h02 - Atualizado há 2 meses
Produtor terá que pagar 12% de ICMS de imediato

O zootecnista e professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), José Neuman Miranda Neiva, comentou a decisão do Governo do Tocantins de suspender os benefícios fiscais concedidos aos frigoríficos, bem como as consequências imediatas que a medida trará, uma delas a interrupção dos abates de bovinos.

Com a suspensão dos Termos de Acordo de Regimes Especiais (Tare), por meio de portaria publicada na última sexta-feira (30), o Governo do Estado passará a cobrar 12% de ICMS sobre os abates.

"A gente assusta com a falta de sensibilidade, para não dizer falta de responsabilidade do Governo do Tocantins. Pegar uma cadeia produtiva como a da carne bovina e taxar em 12% da noite para o dia. Não sei se as pessoas que estão no governo são desprovidas de conhecimento ou totalmente irresponsáveis para tomar uma atitude dessa. É um dos maiores absurdos que eu já vi e desrespeito com uma das principais cadeias produtivas do Brasil e do Estado", disparou o professor.

Confira o vídeo

Vídeo

 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.