Referente a 2018

Governo do Tocantins quita dívida de R$ 11 milhões da Saúde com 138 municípios

Apenas Palmas não recebeu toda a dívida, pois se encontra com acordo de parcelamento.

Por Redação 701
Comentários (0)

13/04/2019 10h09 - Atualizado há 1 semana
Palácio Araguaia, sede do Governo

O Governo do Estado quitou a dívida com os municípios referente aos repasses fundo a fundo dos convênios e contratos da Saúde, conforme comunicado da Associação Tocantinense de Municípios (ATM).

Segundo a entidade, a dívida do Estado quitada é a que estava acumulada até o ano de 2018 com 138 municípios. Apenas Palmas não recebeu toda a dívida, pois se encontra com acordo de parcelamento.

O presidente da ATM comemorou o anúncio e agradeceu ao Governo do Estado. “A falta dos repasses perdurou por anos, e em alguns momentos oscilou muito. Em nome dos prefeitos, agradecemos ao governador Mauro Carlesse pela decisão e autorização em quitar a dívida. O ato é fundamental para que os Municípios não apresentem dificuldades em ofertar produtos e serviços em saúde às comunidades locais”, disse.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o investimento soma R$ 11.007.888,92 e corresponde aos débitos até 31 de dezembro de 2018. Ainda segundo a pasta, com o pagamento realizado, restam ainda, ao Executivo Estadual, os repasses de 2019 e os débitos de 2018 relacionados às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Os repasses são relacionados aos serviços de manutenção de centros de atenção psicossocial; campanhas de vacinação antirrábica; medicação da assistência farmacêutica básica; manutenção de hospital de pequeno porte; complementação do custeio dos serviços de média e alta complexidade ambulatorial; custeio das prestações dos serviços de saúde hospitalar e ambulatorial; medicamentos destinados à saúde mental e unidade de terapia intensiva pediátrica. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.