Criatividade

Acadêmicos da UFT criam quadrinhos sobre defesa dos direitos dos idosos

Por Redação AF
Comentários (0)

25/02/2016 14h28 - Atualizado há 1 semana
Um grupo de nove estudantes do curso de Direito, da Universidade Federal do Tocantins (UFT), decidiu defender os direitos dos idosos de uma forma criativa: através de histórias em quadrinhos. Sobre a escolha da linguagem dos quadrinhos, o grupo foi enfático: “Queríamos uma forma lúdica. O que é mais gostoso de ler do que quadrinhos?”. Tanto o tema quanto a forma foram escolhidos pelos próprios estudantes, que criaram o projeto “Nossos idosos: a velhice sob nossa proteção” dentro da disciplina de Seminários III. O objetivo é sensibilizar a sociedade a respeito dos direitos dos idosos, como explica a estudante Simone Oliveira. “A UFT já tem de forma muito forte a política de defesa dos idosos através da Universidade da Maturidade (UMA). Então, nós quisemos fazer algo que fosse voltado para toda a sociedade de forma mais ampla”, disse. Para isso, os estudantes criaram tirinhas de humor que levam à reflexão com a personagem Dona Zezé em defesa dos idosos sempre que vê uma injustiça. As situações foram elaboradas por todo o grupo e a arte é feita pela estudante Bárbara Geovanna. “A Dona Zezé é a personagem que criamos para representar todas as pessoas que têm consciência dos direitos dos idosos e que esses direitos precisam ser assegurados”, disse Bárbara. As tirinhas serão divulgadas nas redes sociais e em banners disponibilizados em lugares estratégicos na cidade de Palmas-TO. Segundo os estudantes, a legislação é clara, mas durante as palestras realizadas em algumas escolas como parte do projeto, perceberam que os mais jovens se interessam pouco. “Como disse Nelson Rodrigues: ‘jovens, envelheçam! ’. A velhice chega para todo mundo”, declarou Simone. A estudante Nádila de Moraes disse que a grande intenção é atingir o objetivo de divulgar os direitos dos idosos para o maior número de gente possível, e não só concluir a disciplina. “A Dona Zezé está aí para nos inspirar. Não precisa ser um super-herói musculoso. Só precisamos nos posicionar”.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.