Esporte

Mulheres brilham na maior competição de MMA do estado; 'sou mãe de 3 filhos e avó', diz campeã

PMW Ultimate Fight teve a participação de lutadores de várias partes do país.

Por Redação 653
Comentários (0)

26/05/2024 18h58 - Atualizado há 2 semanas
A atleta tocantinense Daniella Martins reforçou o protagonismo feminino no octógono.

Notícias do Tocantins - Ocorreu no último sábado (25) a 2ª edição da maior competição de artes marciais do Estado. O PMW Ultimate Fight reuniu cerca de 2.000 pessoas na Arena Bacuri, em Palmas, com a participação de atletas de Colinas, Novo Acordo, Palmas e Paranã, além de competidores de Goiás, Pará e Distrito Federal, nas disputas de 14 lutas de MMA, kickboxing, muay thai, jiu-jitsu e boxe.  

O evento promovido pela Secretaria dos Esportes e Juventude (Seju) foi marcado pelo protagonismo feminino nas artes marciais. Tailla Carvalho venceu a primeira edição e manteve-se detentora do cinturão do PMW Ultimate Fight. “Fui mais uma vez campeã. Agradeço a todos os que acreditaram em mim e não me fizeram desistir”, declarou a atleta de kickboxing. 

Daniella Martins reforçou o protagonismo feminino no octógono. “As mulheres podem ser o que elas quiserem, elas podem ser lutadoras. Tenho 37 anos, sou mãe de três filhos e avó. Essa vitória é para todas as mulheres que não tem medo de enfrentar o futuro”, disse a lutadora.  

O tocantinense Mateus Glória tornou-se o protagonista da luta que finalizou um dos maiores eventos de MMA já realizado no Estado. “Conquistei o cinturão do PMW Ultimate Fight e foi um prazer participar deste grande evento. Tenho certeza que esse evento veio para somar com a nossa juventude. O Governo do Tocantins está de parabéns por estar proporcionando esse evento maravilhoso”, destacou o lutador que já conquistou 13 vitórias na sua trajetória no esporte. 

O evento promoveu a integração de atletas de várias partes do país. “É muito bom esse incentivo ao esporte local. Quero estar no Tocantins nas outras edições. A organização está de parabéns e quero agradecer a todos de Palmas pela excelente recepção”, reforçou o atleta de MMA paraense, Jair Mamute, que consagrou-se um dos campeões desta edição.

Representando a Polícia Militar do Tocantins, George Mayke, também tornou-se um dos destaques da 2ª edição. “O evento traz muita visibilidade e é uma grande oportunidade para os atletas do nosso Estado”, disse o lutador

PMW Ultimate Fight

Para execução do projeto, a Secretaria de Estado dos Esportes e Juventude realizou uma seleção pública de organização da sociedade civil, com fins de celebração de parceria para a execução do evento, no qual a Companhia A Barraca foi a vencedora. 

A ação do Governo do Tocantins proporcionou aos atletas e ao público presente, momentos de lazer e integração, além de fomentar a economia local com a movimentação na rede hoteleira, bares e restaurantes. Além disso, o evento alcançou mais de 13 mil visualizações, em seis horas de transmissão ao vivo pelo Youtube da Secretaria dos Esportes e Juventude.  

Tailla Carvalho venceu a primeira edição e manteve-se detentora do cinturão do PMW Ultimate Fight.
Evento promovido pelo Governo do Tocantins fortalece as artes marciais, o lazer, a economia e o protagonismo feminino nos esportes de combate no Estado.
O tocantinense Mateus Glória tornou-se o protagonista da luta que finalizou um dos maiores eventos de MMA já realizado no Estado.
O atleta de MMA paraense, Jair Mamute, consagrou-se um dos campeões desta edição.
Representando o projeto Dojo de Ouro, da Polícia Militar, George Mayke também tornou-se um dos destaques da 2ª edição.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.