Qualificação

Senar realiza curso de Trabalhador na Sanidade Animal para Bovinocultura de Leite

Por Redação AF
Comentários (0)

25/06/2018 17h33 - Atualizado há 1 mês
O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (SENAR), em parceria com o SEBRAE, e a prefeitura municipal de Araguatins, realizou essa semana o Curso de Trabalhador na Sanidade Animal para Bovinocultura de Leite, para produtores rurais do Assentamento PA Maringá, localizado a 25 km do município de Araguatins, o principal objetivo do curso foi levar conhecimento e técnicas adequadas de como cuidar melhor do seu rebanho, uma vez que este tipo de treinamento faz também com que o produtor consiga melhorar cada vez mais sua produção. Segundo a instrutora do curso Suelen dos Santos Brito, ela relatou sobre os principais assuntos relacionados aos cuidados diários com o rebanho, como a exemplo, para melhorar a produtividade na Pecuária Leiteira o manejo sanitário deve ser realizado considerando as ocorrências das doenças no rebanho, pois somente com os dados anteriores é que se pode analisar e tomar iniciativas para suprimir ou implementar medidas a fim de evitar que os animais venham a contrair doenças que possam prejudicar a produção leiteira, evidenciando que a produção está alicerçada em quatro pontos chaves: genética, nutrição, sanidade e manejo. “O manejo sanitário consiste num conjunto de atividades regularmente planejadas e direcionadas para a prevenção e manutenção da saúde dos animais, dessa forma, objetivou-se com o curso ensinar as formas de como prevenir a ação dos agentes patogênicos sobre os animais, utilizando medidas de higiene e de profilaxia sanitária (limpeza e higienização das instalações zootécnicas, desinfecção umbilical do recém-nascido, ingestão precoce do colostro), e medidas para manter os animais aptos a resistir à ação dos patógenos, através de medidas de profilaxias como vacinação, vermifugação e banho carrapaticidas", explicou a instrutora. Os alunos também tiveram a oportunidade de aprender sobre o Teste CMT - (Califónia Mastitis Test) que foi realizado na chácara Pontalim, "esse tipo de exame permite identificação de mastite subclínica e o teste do Caneco de fundo telado para identificação da mastite clínica, durante o encontro foi demonstrado o manejo correto de ordenha afim de prevenir e combater essa doença do rebanho leiteiro, que podem causa além de dano ao animal, pouca qualidade na produção leiteira", disse Suelen
ASSUNTOS curso senar

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.