No Parque Cimba

Temporada de Arte e Cultura de Araguaína: mais de 700 artistas e seis festivais até o final de 2020

Com os eventos, serão investidos na cultura e economia locais R$ 1 milhão.

Por Redação
Comentários (0)

15/12/2019 10h24 - Atualizado há 1 mês
Evento realizado no próximo dia 27, no Parque Cimba, marca início do projeto que envolverá mais de 700 artistas

O Eco Parque Cimba de Araguaína será palco da primeira edição do Luau Cultural no Parque, no próximo dia 27 de dezembro, a partir das 20 horas. Durante o evento, será realizado o lançamento do Projeto Temporada Cultural de Arte e Cultura Popular, promovido pela Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria da Cultura, e envolverá mais de 700 artistas em mostras e festivais de teatro, dança, música, poesia e gastronomia.
 
Na programação do luau, terá vernissage de artes plásticas, mostra de artesanato, com a Feira de Arte e Talento, performances cênicas, declamação de poesias, além de show musical com a Banda The North. O evento é realizado em parceria com a Academia de Letras de Araguaína e Norte Tocantinense (Acalanto).

Sobre o projeto

O Projeto Temporada Cultural de Arte e Cultura Popular envolverá a grande e diversificada produção cultural da cidade, por meio de eventos como circuitos, mostras, festivais, feiras, shows e outras atividades, oferecidas gratuitamente à população e dará oportunidade para a valorização dos artistas locais. Com os eventos, serão investidos na cultura e economia locais R$ 1 milhão, com recursos do Ministério da Cultura e contrapartida da Prefeitura.
 
Dentro da programação da temporada, que seguirá até o final de 2020, estão previstos seis festivais de arte e cultura, entre eles o Concurso de Bolsa de Publicações de Livros (Contos e Poesias), e os Festivais Gastronômico, de Teatro, Dança, Música e de Hip Hop pela Paz, com mais de R$ 73 mil em premiações.
 
“Esse projeto vai valorizar muito mais a cultura de Araguaína, gerando novas oportunidades para os artistas da cidade, além de movimentar nossos pontos turísticos, como Parque Cimba e Via Lago, onde vamos realizar várias atividades culturais”, adiantou o secretário executivo da Cultura, Wilamas Ferreira.
 
Outras ações

Além dos festivais, a Temporada de Arte e Cultura Popular promoverá ainda ações como o Encontro e Mostra de Cultura Negra que contará com apresentações de capoeira, dança, música e pintura ligadas a cultura afro descendente, com conteúdo e apresentações voltadas para a arte e história negra.
 
Também fará parte da programação do projeto intervenções culturais com a realização de performances cênicas (teatro, “clown” - palhaço com mímicas, bonecos, dança, circo), shows de música e apresentações de rua em vários pontos da cidade. Serão realizadas apresentações em eventos, locais de grande aglomeração de pessoas, recreios em escolas e faculdades, espaços alternativos nos bairros, praças dos bairros, centros públicos, creches, casa de acolhimento do idoso, casas de recolhimento, sinais de trânsitos, feiras, balneários, etc.
 
Em um ano, que é o período do projeto, serão 132 apresentações realizadas de forma surpresa, buscando assim chamar a atenção das pessoas ali presentes para um assunto, um tema, uma história, um show musical, ou somente para mostrar a criatividade da arte local. 

Parque Cimba

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.