Sobral – 300×100
Seet

Falhas no sistema do Detran atrasam aulas teóricas e práticas para obtenção de CNH em Araguaína

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O sistema é lento e muitas vezes não funciona, segundo dos proprietários

Márcia Costa//AF Notícias

Os proprietários dos Centros de Formação de Condutores (CFC), as autoescolas, reclamam que há dias os alunos estão sem concluir as aulas teóricas e práticas para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O motivo seria falhas no sistema online do Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran/TO), que há anos tem apresentado problemas e transtornos.

Segundo os proprietários, o problema está no Bludata, que é o sistema de controle digital e gerenciamento que permite iniciar e finalizar aulas por meio da biometria dos candidatos.

Todos os CFCs do Estado do Tocantins, desde 2005, foram obrigados a possuir o mesmo sistema de controle digital. Segundo eles, o Detran-TO ainda cobra aproximadamente R$ 250 por mês pelo serviço de processamento de dados. Serviço este, conforme os proprietários, que é lento e que muitas vezes não funciona.

De acordo com um proprietário, que preferiu não se identificar, o sistema está inoperante há cerca de 15 dias, como de costume. Os alunos iniciam a aula, mas não finalizam porque o sistema sai fora do ar. Mesmo com as aulas concluídas, a empresa terceirizada pelo Detran não permite que elas sejam efetivadas, obrigando os candidatos a refazer as aulas.

Só pode ser brincadeira, quem paga esse sistema, que é caro, somos nós para sermos fiscalizados e estamos passando por todo esse transtorno. Já está difícil de trabalhar com tantas exigências e agora ter que pagar por um serviço mal prestado. Queremos explicações do Detran sobre o que está acontecendo, porque quem manda é desmanda é ele”, cobrou o proprietário.

Comentários pelo Facebook: