Presidente da AL, Carlesse assume interinamente comando do Governo do Tocantins até novas eleições

Redação AF -
Foto: Nielcem Fernandes/AF
Mauro Carlesse

Devido à cassação do mandato do atual governador Marcelo Miranda (MDB) e da vice Claudia Lelis (PV), acusados de abuso de poder econômico e captação ilícita de recursos para a campanha eleitoral de 2014 (caixa 2), o Tocantins terá nova eleição direta.

O julgamento da chapa ocorreu no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nesta quinta-feira (22), com placar de 5 a 2 pela cassação.

Maioria dos ministros também decidiu pela execução imediata da condenação, ou seja, o governador e vice serão afastados logo após a publicação do acórdão do julgamento e comunicação ao TRE-TO.

Com isso, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Mauro Carlesse (PHS), assumirá o comando do Estado interinamente até a realização da nova eleição.

Em nota, Carlesse disse que está preparado para governar o Estado. “Com serenidade e responsabilidade o presidente Mauro Carlesse está preparado para assumir sua obrigação constitucional. Portanto, ele aguarda a comunicação oficial da Justiça Eleitoral para assumir a chefia do Executivo estadual”, ressalta a nota.

A eleição suplementar deve ocorrer até 3 de junho.

Comentários pelo Facebook: