Direto ao Ponto Direto ao Ponto

Arnaldo Filho

redacao@afnoticias.com.br

Bastidores da política

Grupo da senadora Dorinha pode indicar o novo presidente da ASTT na gestão Wagner, se quiser

Ex-presidente é filiado ao MDB, que declarou apoio a Jorge Frederico para 2024.

Por Arnaldo Filho 1.042
Comentários (0)

31/08/2023 15h42 - Atualizado há 8 meses
Senadora Professora Dorinha (União Brasil)

O advogado Israel Bruxel de Vasconcelos pediu exoneração da presidência da Agência Municipal de Segurança, Transporte e Trânsito (ASTT), e deixou a gestão do prefeito Wagner Rodrigues. A portaria é datada de 23 de agosto de 2023. Ele estava no cargo desde abril.

Israel Vasconcelos era um dos importantes quadros do MDB, mas o partido já se posicionou em relação às eleições de 2024 ao eleger seu novo presidente, o ex-vereador José Ferreira Barros Filho, o Ferreirinha, que é tio do deputado estadual Jorge Frederico, um pretenso candidato a prefeito de Araguaína. 

Nos bastidores da política, a informação é de que o prefeito abriu espaço ao grupo da senadora Dorinha (União) e ofereceu a presidência da ASTT, a fim de selar uma aliança política para 2024, assim como já o fez com os senadores Irajá (PSD) e Eduardo Gomes (PL).

Irajá indicou Joaquim Quinta Neto como secretário de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, e Gomes, o presidente da Funamc (Fundação de Atividade Municipal Comunitária), Neif Rocha Queiroz Gomes.

No grupo de Dorinha, a indicação do novo presidente passaria pelo crivo da Drª Ângela da Facit, que foi candidata a deputada federal nas últimas eleições pelo partido da senadora.

O problema é que a senadora Dorinha é aliada do governador Wanderlei Barbosa, adversário político do grupo do ex-prefeito Ronaldo Dimas, do qual Wagner faz parte. Portanto, há uma pedra no meio do caminho.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.