Greve

Com salário atrasado, garis de Palmas cruzam os braços pela segunda vez em 2018

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

15/05/2018 16h28 - Atualizado há 2 meses
Nielcem Fernandes // AF Notícias Os trabalhadores da empresa Valor Ambiental, responsáveis pela coleta de lixo em Palmas, paralisaram os serviços na noite dessa segunda-feira (14) alegando falta de pagamento. Conforme já noticiado pelo AF Notícias, o ex-prefeito da capital Carlos Amastha (PSB), atual candidato a governo do Tocantins haveria deixado uma dívida milionária com a empresa antes de renunciar ao cargo para disputar as eleições 2018, mesmo tendo dinheiro em caixa. A denúncia foi feita pelos vereadores Milton Neris (PP) e Rogério Freitas (MDB) no final de abril. O rombo ficou nas mãos da atual prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB). Os trabalhadores estão paralisados na porta da empresa desde a madrugada desta terça-feira (15), como forma de protesto, e reivindicam o salário referente ao mês de abril, que deveria ter sido pago até o quinto dia útil do mês, em 8 de maio. É a segunda vez que os garis cruzam os braços por falta de pagamento, apenas em 2018. A primeira paralisação foi realizada em janeiro de 2018. A primeira greve durou três dias. De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Asseio, Conservação Ambiental e Pública do Estado do Tocantins (Sintecap), Maria Dalva de Sousa, os serviços continuarão suspensos por tempo indeterminado ou até o pagamento dos valores em atraso. A presidente relatou ainda que segundo as informações da empresa Valor Ambiental, a prefeitura não teria efetuado o pagamento das últimas quatro faturas relativas à prestação dos serviços de coleta de lixo na capital. "De acordo com a Valor Ambiental eles estão com ao menos quatro faturas sem receber, e por isso estão atrasando os repasses por que não estão recebendo da prefeitura. Os serviços continuaram paralisados até que seja feito o pagamento dos salários", declarou. O AF Notícias tentou entrar em contato com a empresa responsável pela coleta, mas não obteve retorno até o momento. A presidente do Sintecap informou ao AF Notícias que não há previsão de pagamento. Com a paralisação, o lixo já começa a se acumular em vários bairros e vias urbanas da capital.

Comentários (0)

Mais Notícias

Perigo

Crianças são arrastadas por enxurrada enquanto banhavam em córrego de Palmas

Os garotos tomavam banho no córrego quando foram surpreendidos pela força da água.

Engavetamento

Ônibus perde freios e provoca engavetamento na principal avenida de Araguaína

O engavetamento envolveu um ônibus, um veículo de passeio e um caminhão de pequeno porte.

Ipueiras (TO)

Ex-prefeito é denunciado por não repassar empréstimos consignados aos bancos

Dezenas de funcionários foram lesados e tiveram seus nomes negativados no SPC/Serasa.

Caso Gislane

Mulher é presa suspeita de encomendar morte de jovem por ciúmes do namorado

A PM prendeu Marcela ainda dentro do ônibus quando chegava a cidade de Cristalândia

Animal Silvestre

Tamanduá-bandeira é capturado dentro de casa em Araguaína e solto na natureza

O animal foi colocado numa gaiola e solto em uma área verde próximo à cidade.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.