Em Araguaína

Corrida de Rua do Trabalhador distribuirá quase R$ 24 mil em prêmios; inscrições abertas

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

18/04/2017 16h34 - Atualizado há 1 mês
Estão abertas as inscrições para a 27ª Corrida de Rua do Trabalhador de Araguaína. A expectativa é de que este ano a competição supere todas as expectativas das edições anteriores: a participação de cerca de mil atletas do Tocantins e de outros Estados. A premiação também é recorde nesta edição, um total de R$ 23.800 em dinheiro para os vencedores das categorias masculina, feminina e infantil, divididas em 22 modalidades. A competição é uma realização da prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria da Educação, Cultura, Esporte e Lazer, em parceria com a Associação dos Corredores de Rua de Araguaína (ACRA), e ocorrerá no dia 1º de maio, a partir das 8 horas, com saída do Parque Cimba. O secretário executivo Willamas Ferreira comentou sobre as novidades da corrida para este ano. “Vamos fazer a premiação para a corrida infantil, dando um incentivo a mais para elas. No ano anterior, a gente dava apenas brinquedos”, disse. “Também equiparamos a premiação das categorias masculina e feminina, os vencedores de cada modalidade vão receber a mesma premiação”, completou. Inscrições As inscrições poderão ser feitas até 17 horas do dia 28 de abril, pelo site clicando aqui. O regulamento também está disponível no site da Prefeitura. Os interessados em obtiver mais informações podem ir pessoalmente à Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer, localizado na Avenida Bernardo Sayão, nº 499, no Entroncamento. Ou também podem solicitar mais detalhes pelos seguintes telefones: (63) 3411-5612 ou 3411-5610. No momento da inscrição, os atletas receberão comprovante, mapa do trajeto, regulamento e deverão preencher a declaração de responsabilidade e uso de imagem. Todos os atletas inscritos na prova principal concorrerão na modalidade Elite, sendo premiados os cinco primeiros colocados de cada categoria masculina e feminina. As demais premiações tanto da prova principal como da prova infantil, obedecerão à chegada dos demais, de acordo com a categoria e modalidade de faixa etária. A corrida O congresso técnico está programado para o dia 30 de abril, domingo, das 8 às 12 horas, no Parque Cimba. A competição foi dividida em duas categorias, masculina e feminina, além da prova infantil. A categoria masculina foi dividida nas seguintes modalidades: elite; veterano (de 30 a 39 anos); veterano II (de 50 a 59 anos); juvenil (de 14 a 19 anos); vterano I (de 40 a 49 anos); veteraníssimo (de 60 anos acima) e adulto (de 20 a 29 anos). Já a categoria feminina foi dividida nestas modalidades: elite; adulta (de 20 a 29 anos); veterana (de 30 a 39 anos); juvenil (de 14 a 19 anos); veterana I (de 40 a 49 anos); veterana II (de 50 a 59 anos); veteraníssima (de 60 anos acima). E a prova infantil foi dividida em duas categorias: masculina e feminina, sendo cada uma delas nas seguintes modalidades: mirim 1 (de 6 a 8 anos); mirim 02 (de 9 a 11 anos); mirim 03 (de 12 a 13 anos). As regras da competição seguem regulamento geral de provas de corridas rústicas da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT). O percurso será de oito mil metros, com a largada prevista para as 8 horas. A prova infantil ocorrerá no circuito interno do Parque Cimba. (Joselita Matos)

Comentários (0)

Mais Notícias

Redes Sociais

Menos de 10% das imagens que circulam no WhatsApp são verdadeiras, diz pesquisa

Levantamento foi feito em 347 grupos verificou fotomontagens e mensagens falsas.

Festa

Turnê 'Buteco do Gusttavo Lima' desembarca em Palmas no dia 1º de dezembro

O 'Buteco' terá a locução do apresentador Cuiabano Lima.

FORA DO AR

YouTube fica fora do ar por mais de 1h no mundo inteiro na noite desta terça

Site de vídeos apresentou erros, assim como os aplicativos para smart TVs e smartphones

Em 2019

Após AnaVitória, gêmeas Maiara e Maraísa vão estrear comédia no cinema

A dupla que cresceu em Araguaína aguarda apenas um ajuste na agenda para marcar presença no longa.

Saúde Mental

Não chame de ansiedade: 8 exemplos de como banalizamos as doenças mentais

Frequentemente utilizamos na linguagem cotidiana termos sobre transtornos que incapacitam. Às vezes, levam ao desrespeito dos direitos das pessoas afetadas por essas doenças

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.