Conhecendo a gestão

Procurador-geral de Araguaína, Gustavo Fidalgo conta expectativas para próximos anos

O procurador mudou-se para o Tocantins em 2001.

Por Redação 631
Comentários (0)

22/02/2021 10h41 - Atualizado há 6 meses
Advogado Gustavo Fidalgo

Por escolha do prefeito de Araguaína, Wagner Rodrigues, o advogado Gustavo Fidalgo se manteve como procurador-geral de Araguaína.

Gustavo está na Procuradoria-Geral desde 2013, quando foi procurador-geral adjunto até 2015 e assumiu a frente da pasta em 2017 e seguirá comandando os trabalhos da pasta pelos próximos quatro anos.

Ele é o sexto personagem da série “Conhecendo a Gestão”, que tem objetivo de aproximar a população dos gestores municipais. 

Durante um bate-papo, Gustavo falou da missão importante de dar seguimento ao compromisso como procurador-geral, sempre com muita responsabilidade. “Fico muito contente com a confiança do prefeito Wagner em nosso trabalho e vamos continuar fazendo um serviço sério e de qualidade. É um novo desafio, afinal a gestão é outra e assumimos junto com esse novo a responsabilidade de dar o melhor por essa secretaria de papel importante para a gestão”, destacou.

Conhecendo o procurador

Gustavo Fidalgo é graduado em Direto pela Universidade de Uberaba (2000); pós-graduado em Processo Civil e Direito Civil pela Fadivale; advogado militante e inscrito na OAB Tocantins desde 2001; Gustavo tem 43 anos, é casado com a araguainense Tatiany Chaves de Melo Fidalgo e pai de Gustavo Filho, de 16 anos. 

Natural de Uberaba (Minas Gerais), o procurador mudou-se em 2001 para o Tocantins, onde morou em Palmas por alguns anos até escolher Araguaína para viver e alcançar um passo maior em sua carreira profissional. 

Está sendo uma experiência muito enriquecedora para minha carreira, e a intensão desde que abracei essa cidade como minha, era exatamente essa: a de alcançar ascensão profissional e tinha certeza que Araguaína me traria essa realização, afinal, é uma cidade muito promissora”, afirmou.

Currículo profissional 

No currículo, Gustavo traz a experiência de advogado do Sistema Fieto de 2001 a 2012 e também na área público-privada, na qual prestou serviço para vários municípios do Estado, como Gurupi, Santa Rosa, Pedro Afonso, Lizarda, Novo Acordo; foi professor das Faculdades Objetivo e FAPAL de 2004 a 2007; membro titular do Conselho do Contribuinte Contencioso Tributário do Estado do Tributário por um mandato; foi presidente da Agência Municipal de Transportes e Trânsito de Araguaína (AMTT) desde sua criação em 2014 até o fim de 2016; foi procurador-geral adjunto do Município de Araguaína de 2013 a 2015 e, em 2016, recebeu o convite para assumir o cargo de procurador-geral do Munícipio na gestão 2017/2020. 

Expectativas

Para os próximos anos a expectativa é de uma nova tendência de trabalho, principalmente pela grande quantidade de obras que seguem em execução e outras que serão iniciadas nos próximos anos e terão a participação ativa da procuradoria-geral do Município. 

Nós temos, por exemplo, as obras da Via Norte, em que a procuradoria agiu e seguirá trabalhando com os acordos de desapropriação em parceria com outras secretarias municipais e a nossa intenção é continuar dando todo suporte necessário para o prefeito e todas as secretarias e respectivos secretários e assim fortalecer o serviço à nossa população, dando uma nova roupagem a cidade”, concluiu o procurador. 

Além disso, a previsão é de reforço na equipe de trabalho com a chegada dos novos procuradores municipais aprovados no último concurso do quadro geral do Município em processo de nomeação. 

O que faz a procuradoria  

A procuradoria-geral representa judicial e extrajudicialmente o Município. Ela controla e coordenada as ações jurídicas da administração, cuida da defesa do poder público e presta informações aos órgãos judiciais.  

Atualmente, a procuradoria de Araguaína conta com 21 servidores, entre profissionais do Direito, Contabilidade e Administração. A sede da pasta está localizada na Rua 25 de Dezembro, nº 265, com horário de atendimento das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas e pelo telefone (63) 3411-7171.

VEJA MAIS

+ Nova secretária, Fernanda Ribeiro quer menos burocracia e aposta no turismo de Araguaína

Conheça Ana Paula, a mulher que assumiu a Saúde de Araguaína no início da pandemia

Gestão de Araguaína: Secretário da Assistência Social é servidor de carreira desde 1994

Gestão de Araguaína: Secretário do Planejamento pegou diploma de engenheiro aos 19 anos

Secretária da Educação é professora concursada desde os 18 anos e se sente realizada

(Adriana Santana /prefeitura)

Procuradoria de Araguaína conta com 21 servidores

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.